Resenha Morte e vida de Charlie St. Cloud

ArquivoExibir

Livro: Morte e vida de Charlie St. Cloud;

Autora: Ben Sherwood;

Número de Páginas: 304;

Editora: Novo Conceito;

Avaliação: ★★★★

Oi gente! Como vocês estão?
No post de hoje vim compartilhar a resenha do livro Morte e vida de Charles St. Cloud escrito por Ben Sherwood e publicado pela editora Novo Conceito. O mesmo conta a história de dois irmãos, Charlie e Sam, que vivem na cidade de Marblehead. Após voltar de um jogo de beisebol, Charlie se envolve em um trágico acidente de carro que tem como consequência a morte de seu irmão Sam, a quem era muito próximo. Charlie fez uma promessa de que sempre estaria com ele e por isso recebe o dom de ver seu irmão (congelado por anos na idade que tinha no dia do acidente) a cada pôr do sol, assim como outras pessoas que ainda não fizeram a travessia. Baseado nisto esta é sua rotina durante 13 anos e sua vida se resume ao seu trabalho como zelador no cemitério Waterside. Porém, muda no dia em que conhece Tess, uma garota que perdeu o pai e planeja dar a volta ao mundo em seu veleiro intitulado Querência (que segundo o livro significa local seguro). Porém, há um mistério acerca dela, pois, no dia seguinte que a conheceu Charlie descobre que todos na cidade estão procurando por ela, uma vez que saiu para velejar e não voltou. É neste momento que ele percebe que só ele consegue vê-la e tem que decidir entre ir salvá-la e seu irmão. Assisti o filme antes de ler o livro o que só me deixou mais curiosa para saber se o mesmo foi fiel a história. Confesso que de início achei que o autor fosse o Nicholas Sparks devido ao estilo e escrita serem semelhantes. Comovente, reflexivo e como o próprio nome já diz trata sobre questões da morte e da vida. Podemos claramente perceber os dilemas na vida de Charlie e torcemos para ele usar sua segunda chance.

Alguém já leu ou ficou curioso para ler? Contem pra gente 😉

Anúncios

10 thoughts on “Resenha Morte e vida de Charlie St. Cloud

  1. Eu já li. Encontrei-o numa feira do livro, e como lá dizia que quem gostasse de Nicholas Sparks ia gostar deste, comprei. Adorei o livro, gostei também do filme, mas achei o livro melhor (como é normal). Acho que é uma história contada de forma muito descontraída para o tema – afinal o pequenote está morto – e isso é que traz magia ao livro. É um dos meus favoritos!

    1. A escrita e enredo do Nicholas Sparks e do Ben Sherwood é bem parecida. Inclusive quando vi o filme pensei que fosse uma adaptação de algum livro do Nicholas. Concordo que o livro é melhor que a adaptação também. Sim. Bem isso que me prendeu a leitura.
      Beijos

  2. Sempre vi esse livros pelas prateleiras das livrarias mas nunca me despertou o interesse, somente uma leve curiosidade, e de vez em quando. Mas conhecendo melhor a história e lendo tua resenha, fiquei com muita vontade de ler. Principalmente porque lembra as histórias do Sparks, que é meu autor favorito!
    Gostei bastante 🙂

    bjinhos

    1. Esse livro também ficou um bom tempo na minha estante até que um dia decidi arriscar e não me arrependo. Lembra sim. Se você gosta de Nicholas Sparks é certo que vai gostar deste autor também.
      Beijos Livia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s